15 de abr de 2012

ProCicloviasPG realiza campanhas educativas em escolas da cidade

Reproduzido do Portal Comunitário de Ponta Grossa, aqui. (vídeo do CQC abaixo)
Sáb, 14 de Abril de 2012 08:12 Fernanda Rosas e Maria Fernanda Teixeira  


Alunos assistem a vídeo do CQC
sobre ciclovias na cidade de São Paulo
No dia 28 de março, a Escola Estadual Professor Eugênio Malanski recebeu a visita do grupo para um debate sobre a necessidade de ciclovias e a importância da utilização de bicicletas no município


O Movimento ProCicloviasPG busca parcerias com escolas da cidade para realização de palestras educativas. O objetivo do grupo é discutir a importância do uso da bicicleta para o Meio Ambiente e a necessidade da implantação de uma estrutura cicloviária em Ponta Grossa. No dia 28 de março, a integrante do ProCicloviasPG, Fátima Ribeiro, visitou a Escola Estadual Professor Eugênio Malanski, no Núcleo Borsato. “A ideia é promover essa discussão nas salas de aula, para os alunos mudarem a visão de que somente o carro é importante. Nós precisamos estimular meios alternativos de transporte e pensar em uma cidade que não seja feita só para carros”, afirma.

Com apresentação de vídeos que tratam do assunto, Fátima procurou mostrar aos estudantes de ensino médio da escola a situação de ciclovias em cidades como São Paulo e, principalmente, em Ponta Grossa. “Não existe estrutura cicloviária na cidade. Há apenas duas ciclovias, uma no Contorno Leste e outra no (Bairro) Santa Mônica. São cerca de 4 km de faixas mal conservadas e mal planejadas”, reclama Fátima.

Os vídeos mostraram ainda exemplos bem sucedidos de uso adequado do espaço urbano e utilização de bicicletas como meio de transporte, em países como Holanda e Dinamarca. “Inclusive no Brasil há exemplos positivos. Em Toledo (PR) existe um sistema de aluguel de bicicletas e em Blumenau (SC) há uma grande estrutura cicloviária”, afirma Fátima.

A professora de Educação Física, Simone Ciunek Correa, explica que muitos alunos da escola se interessam pelo assunto e assinaram, inclusive, o abaixo-assinado promovido pelo Movimento para implantação da Lei da Bicicleta no município. “Essa discussão é importante porque, como estamos em um bairro afastado do centro, muitos estudantes e os próprios pais desses alunos utilizam a bicicleta como meio de transporte”, diz a professora.

Alternativas

Cada aluno participou do debate apresentando três medidas para melhorar o trânsito em Ponta Grossa. Segundo os estudantes, a cidade precisa de mais ciclovias, planejamento para pedestres, segurança, limpeza e manutenção das vias, respeito aos ciclistas e aplicação efetiva de leis e multas. Houve até quem sugerisse baixar o preço das bicicletas para estimular o uso.

“Ninguém respeita o trânsito e as pessoas estão morrendo. As ciclovias são importantes para nossa própria segurança”, diz Marlene Andrade, aluna da escola. De acordo com Elisama Cozorski Galvão, de 14 anos, as pessoas que andam de carro também deveriam pensar e ter mais respeito pelos pedestres e ciclistas. O pai da estudante utiliza a bicicleta diariamente e reclama bastante de desrespeito e xingamentos no trânsito.

Serviço: As escolas que tiverem interesse nas palestras do Movimento ProcicloviasPG devem entrar em contato com o grupo pelo e-mail: prociclovias@gmail.com


Vídeo do CQC, Proteste Já

Nenhum comentário:

Postar um comentário