2 de jun de 2011

Prefeito de Copenhague aceita desafio e anda de bicicleta por SP

02/06/2011 13h17 - Atualizado em 02/06/2011 13h17

Convite foi feito pela equipe do RespirAR.
Investimento no transporte público é solução para reduzir os poluentes.

Do G1 SP


O uso da bicicleta como meio de transporte está entre os assuntos do C40. Várias cidades do mundo incentivam as pessoas a usá-las em vez do carro. Uma delas é Copenhague, na Dinamarca. O prefeito Frank Jensen topou o desafio do RespirAR de dar um passeio por São Paulo. O trecho foi pequeno, fora do horário de pico, mas Jensen ficou assustado.

O prefeito é adepto da bicicleta. Ele vai para a prefeitura da cidade de terno, gravata e bicicleta. Jensen conheceu a ciclofaixa da Avenida Jornalista Roberto Marinho, na Zona Sul de São Paulo. Entretanto, ela só é exclusiva para os ciclistas aos domingos. Segundo ele, em Copenhague, são 350 km de vias exclusivas para as bicicletas - mais da metade dos moradores usam o meio de transporte todos os dias.

Foram quase 2 km de pedaladas pela capital paulista. No final, o prefeito confessou que não gostou da experiência. “Eu sentiria medo de andar de bicicleta todos os dias em São Paulo. Não me sinto seguro dividindo espaço com os carros. É muito difícil andar de bicicleta aqui”, diz ele. Ele também deu a solução: construção de ciclovias. “Copenhague era assim 30 anos atrás e nós investimos muito para tornar a bicicleta um meio de transporte fácil e seguro.”

Ciclovias, metrôs, trens e ônibus, melhor destinação do lixo e investimento em energias alternativas são as medidas adotadas em Copenhague que o prefeito veio apresentar em São Paulo. Jensen diz que o objetivo é tornar a Copenhague a primeira cidade sustentável do mundo até 2025.

Encontro
Pela manhã, os prefeitos de Copenhague (Dinamarca), Portland (EUA) e Santiago (Chile), falaram sobre a redução das emissões de poluentes. Todos disseram que a principal medida é investir no transporte coletivo. O prefeito de Santiago, Fernando Echeverria, disse que, nos últimos anos, a cidade investiu no metrô e, hoje, são 104 km de linhas. Com isso, a frota de ônibus diminuiu de 14 mil para 6,5 mil veículos e isso reduziu a poluição em 70%.

Fonte: http://g1.globo.com/sao-paulo/respirar/noticia/2011/06/prefeito-de-copenhague-aceita-desafio-e-anda-de-bicicleta-por-sp.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário