14 de jun de 2011

A bicicleta pode ajudar no controle do aquecimento global

Parece exagero? Então veja abaixo ações propostas pelo 350.org e como o uso da bicicleta como meio de transporte sustentável - proposto pelo ProCicloviasPG - está alinhado com uma ação global positiva para o controle das emissões que causam a mudança climática. (Retirado do "Moving Planet / PT" - ver site original aqui).


"Para chegar às 350ppm, temos que deixar os combustíveis fósseis desde já e partir o mais rápido possível para um futuro sustentável, controlado democraticamente, e de energias renováveis. Esta é a visão para a qual nos movemos—esperamos que estas exigências nos ajudem a orientar as ações para o Moving Planet para que elas tenham o maior impacto possível:
 
Políticas com base científica para nos colocar de volta nas 350ppm.Não se pode negociar com a química e a física - e é por isso que sabemos que as políticas climáticas vão ter de se alinhar com a ciência do clima. Temos de pressionar por um regime de clima nas Nações Unidas que abra caminho em uma direção socialmente justa abaixo das 350ppm. 
 
1. Uma rápida e justa transição para emissão zero de carbono. Sabemos que a única maneira de evitar a catástrofe climática é uma mobilização de emergência para reduzir as emissões para zero o mais rápido possível. É por isso que estamos encorajando os esforços dos organizadores em todo o mundo para apoiarem programas que tenham como objetivo:
  • 100% de energias renováveis
  • Emissão zero de carbono/neutralidade de carbono (sem contrapartidas)
  • Não explorar mais combustíveis fósseis 
2. Mobilizar financiamento para uma transição justa para um mundo de 350ppm. A mudança do clima é uma crise moral e nós sabemos que a única forma correta de lidar com o assunto é os mais ricos ajudarem os mais pobres a lidarem com o peso das mudanças climáticas. Temos que apoiar políticas e programas que assegurem o financiamento de uma transição justa, como por exemplo:
  • Financiamento para adaptação aos riscos e prejuízos que já estão acontecendo
  • Financiamento para dar acesso a energias limpas e renováveis para tirar as pessoas da pobreza
  • Imposto sobre transações financeiras
  • Uma quota justa de um Fundo Climático Verde. 
3. Colocar os direitos das pessoas e da natureza acima dos direitos dos poluidores. A crise de clima é uma crise de direitos humanos. Temos que apoiar políticas e programas que coloquem os direitos das pessoas acima dos direitos dos poluidores, como por exemplo:
  • Acabar com o dinheiro sujo nas eleições
  • Reduzir o poder das grandes empresas poluidoras
  • Parar com os projetos de energias poluentes
  • Proteger a saúde humana
  • Apoiar os direitos dos povos indígenas 
Estamos cientes de que estas exigências têm apenas um impacto muito superficial naquilo que é a visão de um futuro climático justo - por favor, dê atenção a outras propostas que também precisam ser consideradas."

Nenhum comentário:

Postar um comentário