26 de set de 2011

Algumas cidades do PR e seus parques

Uma rápida pesquisa revela que todas as cidades maiores que Ponta Grossa e muitas menores tem um número muito maior de parques que são mantidos pelo poder público para o lazer da população.

Aqui em Ponta Grossa temos algumas praças e nenhum bom parque. Infelizmente, nenhum destes locais é apropriado para que as pessoas usem suas bicicletas com segurança. Somado a isso, não temos nenhuma segurança para pedalar nas ruas, então a situação é mesmo deplorável!

Em nossa cidade parece que o poder público pensa que a população deve mesmo é ficar nos bairros ou ir gastar seu dinheiro nos shoppings da cidade. Os mais afortunados podem levar os filhos e suas bicicletas aos clubes. Estes parecem ser os únicos meios de lazer para os pontagrossenses, ou para aqueles que por ventura estejam passando algum tempo aqui. O que será que os visitantes falam de Ponta Grossa quando retornam para suas cidades?

Com todas essas áreas desocupadas na cidade, é impossível não perguntar: COM TANTOS TERRENOS DESOCUPADOS, ONDE ESTÃO OS PARQUES QUE A POPULAÇÃO TANTO PRECISA? O que será que diz o Plano Diretor?


Abaixo estão algumas cidades com seus parques e praças marcados.


Curitiba - população: 1 746 896 hab

View Larger Map

Londrina - população: 506 701 hab

View Larger Map

Maringá - população: 357 117 hab

View Larger Map

Ponta Grossa - população: 311 697 hab

View Larger Map

Cascavel - população: 289,339 hab

View Larger Map

São José dos Pinhais - população: 268 807 hab

View Larger Map

Foz do Iguaçu - população: 255 900 hab

View Larger Map

Como diria o Boris Casoy: é mesmo uma vergonha!

2 comentários:

  1. Esse fato é uma coisa que realmente me intriga nessa cidade. Vim de Maringá e estranhei muito não haver um local, que seja pra caminhada, pela cidade toda. E o pior foi ao perguntar aos nativos e eles me falarem do parque ambiental, levei mais de uma semana pra descobrir que aquela praça era na verdade um parque e ainda mais com esse nome. A cidade tem pontos de trilhas muito belas, mas venhamos e convenhamos que ninguém vai sair do seu bairro e ir até o buraco do padre, ou ao parque de vila velha todos os dias pra poder se exercitar. É extremamente necessário para toda a cidade, e não só pelo trânsito, mas também pela área da saúde e qualidade de vida que a cidade ganhe alguns espaços, bem distribuídos e arborizados para a prática de alguma atividade física.

    ResponderExcluir
  2. Em Ponta Grossas muitas pessoas vão até o aeroporto municipal levar suas crianças brincar nos brinquedos do parque, aprender a andar de bicicleta, etc. Hoje (02/10) várias pessoas levaram as bicicletas de suas crianças no aeroporto, isso porque não há nenhum outro parque em PG para fazer isso. Claro, há o Parque Ambiental, mas seu nome não reflete o grande piso de pedra, falta de gramado e árvores no local. O Parque Ambiental não é um verdadeiro parque.

    ResponderExcluir